É um assalto!

O Edu Primitivo segue na tentativa de levar um tiro na cara no Rio de Janeiro, desta vez falando “isso é um assalto!” para frentistas, depois apontando o preço da gasolina.