Em decisão histórica, Atlético-PR e Coritiba desistem de jogar para peitar Rede Globo

Atlético-PR e Coritiba decidiram transmitir seu clássico graciosamente pela internet, mas uma decisão da FPF (Federação Paranaense de Futebol) os fizeram cancelar a partida em comum acordo.

O motivo pelo qual as equipes decidiram transmitir o jogo pela internet foi que o dinheiro oferecido pela RPC, afiliada da Rede Globo no Paraná, era baixo em relação à grandeza do espetáculo e ao resultado financeiro que ele poderia gerar.

De comum acordo então, as equipes começaram a transmissão em suas respectivas páginas do Facebook e Youtube, tanto Atlético-PR, como o Coritiba.

O problema foi que segundos antes do pontapé inicial, a Federação Paranaense de Futebol decidiu que a partida não poderia acontecer se fosse transmitida pela internet.

Os clubes permaneceram firmes e os jogadores subiram para o gramado apenas para agradecer o apoio da torcida.

Atlético-PR, Coritiba, Rede Globo

Foto de Rodolfo Melo – Jogadores da dupla #AtleTiba intercalados, em agradecimento às torcidas

Talvez a Globo tenha medo que a bolha tenha sido explodida e que os clubes percebam que a internet oferece números muito mais sólidos que o nebuloso ibope. As curtidas e os acessos em tempo real podem ser um aliado forte dos clubes na hora de vender seus espaços publicitários.