Esta semana teve duas segundas-feiras e duas sextas-feiras, mas os Links Machos só vieram nesta segunda… SEGUNDA SEXTA!

Aproveite o que há de melhor na internet clicando nesses posts.

Vídeo (+18): Levando a gata pra dar um rolê de moto

Imagens (+18): As fotos de Cássia Mello

Imagem: Coisas que gato come

Imagem: Pequenas canetas, grandes negócios

Curiosidade: Você nunca mais verá os filmes da mesma forma

Imagem: O caso da louca do ônibus e o tatuado de São Borja

Imagem: O jovem que foi iludido por nudes falsos

Lista: As 10 melhores séries para aprender inglês

Imagem: Quem é você no Stranger Things?

Vídeo: Após 3 anos, cachorro reencontra o dono

Comprar um carro no Brasil nem sempre é fácil. Para o brasileiro médio, é necessário se programar, juntar dinheiro, dar entrada, abandonar outros sonhos e dar início ao calvário que é pagar as prestações do financiamento.

Depois que você tira da loja, outros problemas te perseguem, afinal, carros precisam de manutenção e combustível. É tétrico!

Como eu sei que nada no Brasil é barato, fui no Ebay procurar o preço de um carro que eu gosto, o Corolla. Escolhi o modelo 2011, o que daria pra dizer que não é novo, mas também não é antigo demais.

Me deparei com isso:

Quase U$8 mil dólares no bichinho, que alguns amigos que moram nos Estados Unidos afirmaram estar CARO.

Pela cotação do dólar hoje (R$3,31), no seco, ele custaria R$26.480.

Segundo a tabela FIPE, o Vovôrollinha com menos opcionais de 2011 custa R$38.698, mais de 10 pau a mais que o seu irmão completo na terra do Tio Sam.

Um dado curioso e importante sobre este carro é o seguinte: o Corolla é um modelo popular da Toyota lá nos Estados Unidos, equivalente a um Uno no Brasil. Não é exagero dizer que lá é um carro de quem não tem grana, diferente do nosso querido Brasa.

Digamos que você pudesse usar a grana do teu suor brasileiro para comprar um Corollinha pelo valor do carro americano, seria legal, não é verdade? Digamos aí que você ganhasse uns R$3.000 ao mês e pudesse guardar dinheiro para comprar ele, não seria lá muito difícil pagar pouco mais de 25 pau num carro, né?

Aqui entramos em outra coisa que dá muita raiva, eles não só compram o carro por um valor menor, mas também ganham muito mais que nós, mesmo em subempregos.

Não há uma CLT nos Estados Unidos, portanto, se você quiser trabalhar 12, 13, 14 horas do seu dia para ter dinheiro, o problema é seu.

Como o americano ganha por hora trabalhada e não por dia, eles podem negociar cada hora trabalhando na firma.

Vamos usar o exemplo do “salário mínimo” da Califórnia, que equivale a U$7,25 , mas usar o método de trabalho brasileiro para simular um salário mensal.

Trabalhando 8 horas por dia, 21 dias por mês, uma pessoa terá U$1.218 para gastar como quiser. Um jovem que more com os pais e ganhe essa grana pode guardar metade disso ao mês para ter um Corolla em pouco mais de 6 meses, pagando à vista.

Claro que isso é uma simulação hipotética, afinal, a maioria dos americanos normalmente trabalham mais e ganham melhor do que isso. Talvez seja por isso que brasileiros e cubanos costumam se dar bem por lá, imagine você viver em um país onde você é explorado pelo estado, viaja para um país melhor e de repente descobre que pode usar o seu dinheiro para gastar com você?

Outra coisa interessante é que vender e comprar um carro usado é simplificado, uma vez que a placa do carro pertence ao dono e não ao carro.Uma multa dada para aquela placa vai para o dono da placa e não fica no carro, evitando que ocorra o que acontece no Brasil, onde carros ficam encostado por terem multas acumuladas por um valor maior que o do próprio carro.

Este mapa mostra o valor médio do seguro em cada estado americano

No Brasil nós precisamos pagar o seguro obrigatório imposto pelo estado, diferente dos Estados Unidos, que possui lei para imposto obrigatório, mas você precisa escolher entre empresas privadas.

Sobre o IPVA, que tem um valor absurdo no Brasil, é cobrado por peso nos Estados Unidos. Portanto, por mais que o seu carro tenha um valor alto, o IPVA dele não será tão alto quanto o valor do carro, afinal, lá o IPVA é calculado com base no peso do carro e não sobre o valor dele.

Existem várias outras benesses em comprar um carro nos Estados Unidos e que mostram o quanto somos assaltados no Brasil, mas eu não quero te fazer passar tanta raiva assim.

Todo dia um homem quebra a própria cabeça para descobrir o que uma mulher gosta. Segundo esta imagem, aparentemente não é lá muito difícil.

mulher

confesso que achei máquina de beber leite e polenteira bem exótico